A população de Macaé pode acompanhar, nas transmissões ao vivo realizadas pela Associação Comercial e Industrial de Macaé, a preparação dos candidatos a prefeito de Macaé em conduzir a cidade a um novo patamar de desenvolvimento e prosperidade.
Com a participação de cinco dos seis candidatos convidados, as Entrevistas alcançaram cerca de 23 mil pessoas e ajudaram os eleitores indecisos a definir o voto no próximo dia 15 de novembro.
“O nosso sentimento é de dever cumprido. Agradecemos aos candidatos que compareceram, respeitaram a nossa instituição e encararam o desafio de se apresentar aos eleitores. Fizemos história ao inovar e contribuir com uma eleição mais transparente“, destacou o presidente da ACIM, Francisco Navega.
Participaram das entrevistas, André Longobardi, Riverton Mussi, Silvinho Lopes, Igor Sardinha e Maxwell Vaz.
E nesta sexta-feira (6), a ACIM lançou em rádios locais a campanha “Macaense Vote”, para incentivar os eleitores a comparecem às urnas no próximo dia 15.
Números das transmissões
22.576 pessoas alcançadas
5h10minutos de transmissões
1960 comentários
606 curtidas

55 perguntas respondidas + 3 prioritárias

André Longobardi
Riverton Mussi
Silvinho Lopes
Igor Sardinha
Maxwell Vaz


ACIM define programação das entrevistas com os candidatos a prefeito de Macaé

A Associação Comercial e Industrial de Macaé (ACIM) definiu hoje (30) em sorteio a sequência dos candidatos a prefeito de Macaé que serão entrevistados entre os dias 3, 4 e 5 de novembro.
A definição dos horários e datas aconteceu na presença dos representantes dos seis  candidatos que aceitaram e confirmaram a participação do evento que será realizado pela ACIM, com o apoio da Rede Petro-Bacia de Campos, Convention and Visitors Bureau (CVB) de Macaé e Associação dos Contabilistas de Macaé (AMACON).
Compareceram ao sorteio os representantes dos candidatos: Igor Sardinha (PT), Maxwell Vaz (SD), André Longobardi (Republicanos), Silvinho Lopes (DEM), Riverton Mussi (PDT) e Robson Oliveira (PTB).
Os candidatos Welberth Rezende (Cidadania) e Ricardo Bichão (PRTB) também foram convidados mas não confirmaram e não enviaram representantes para o sorteio.
Confira a sequência das entrevistas:
Terça-feira (3)
19h – 20h : André Longobardi
20h30 – 21h30: Riverton Mussi
Quarta-feira (4)
19h – 20h: Silvinho Lopes
20h30 – 21h30: Robson Oliveira
Quintas-feira: (5)
19h – 20h: Igor Sardinha
20h30 – 21h30: Maxwell Vaz
Welberth Rezende: Não confirmou
Ricardo Bichão: Não confirmou


A ACIM, com o apoio da Rede Petro-Bacia de Campos, Associação Macaense dos Contabilistas (AMACON) e Convention and Visitors Bureau (CVB) Macaé, realizará entrevistas com os candidatos à prefeito de Macaé.

Entre os dias 3 e 6 de novembro, 7 candidatos com registro deferido pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) participarão de entrevistas que serão transmitidas ao vivo, pela página da ACIM no Facebook.
O regulamento define que as questões apresentadas aos candidatos terão como tema “Desenvolvimento Econômico”.
A entrevista será individual. Durante uma hora, cada candidato responderá as perguntas elaboradas pelos membros das instituições que participam do evento.
Nesta sexta-feira (30) a ACIM realizará o sorteio da ordem das entrevistas. Dois candidatos participarão do evento nos dias 3, 4 e 5 em horários diferentes: das 19h às 20h e das 20h30 às 21h30. Já o dia 6 está reservado a um candidato, às 19h.
“Acreditamos que está seja uma ação importante para assegurar que o desenvolvimento econômico seja uma pauta prioritária para a futura gestão da cidade. E as entrevistas também serão uma oportunidade para os eleitores de Macaé conhecerem melhor as propostas dos candidatos”, afirma o presidente da ACIM, Francisco Navega.
Os sete candidatos selecionados pelas instituições foram convidados nesta terça-feira (27) a participar do evento.

Entrevistas tem como pauta a economia local


A Associação Comercial e Industrial de Macaé (ACIM) lançou nesta semana a campanha de incentivo às vendas do comércio local na semana do Dia das Crianças. A proposta visa conscientizar a população para prestigiar as lojas locais.
A ação conta com mensagens divulgadas em rádios locais e também compartilhada nas redes sociais.
De acordo com o presidente da ACIM, Francisco Navega, a proposta visa ajudar o setor varejista a se recuperar diante dos impactos causados pela pandemia do Coronavírus.
“Precisamos conscientizar as pessoas que, a cada presente comprado nas lojas locais, um emprego é mantido em nosso comércio. Cada compra conta para garantir o resgate e recuperação do nosso setor”, afirma Navega.
Além da campanha, a ACIM promoveu também uma ação social, através da doação de brinquedos para crianças e adolescentes protegidos nos três polos do Centro Municipal de Atenção a Criança e Adolescente (Cemaia).
Brinquedos também foram doados a uma campanha de resgate do projeto social “Casa do Abraço”. A cada item doado, um quilo de alimento também será entregue a famílias carentes da cidade.
Navega também defendeu ação social no Dia das Crianças


Diante do potencial de elevar a oferta de energia, viabilizar a instalação de indústrias petroquímicas e ainda abrir espaço para a expansão das atividades de exploração e produção de petróleo e gás na Bacia de Campos, a instalação de quatro novas termelétricas no município é defendida pelas instituições que compõem o Repensar Macaé.
Na última quarta-feira (30), o grupo de empresários macaenses participou da audiência pública realizada pelo IBAMA para analisar os projeto das Usinas Termelétricas Litos 1, 2, 3 e 4 a serem instaladas no CLIMA – Complexo Logístico e Industrial de Macaé.
Na composição do projeto, as quatro termoelétricas terão capacidade de produção de 5274Mw, energia suficiente para abastecer uma população de quase 11 milhões de habitantes.
 Durante a instalação, no pico de obra que dura 6 meses, serão gerados 2.900 postos de trabalho diretos. Já na operação, novos 130 postos de trabalho diretos estarão abertos em Macaé. A prioridade será para mão de obra local.
A geração termelétrica a gás natural cumpre o papel de fonte energética de transição entre as fontes fósseis e renováveis.
Macaé é o principal ponto de recebimento de gás natural do Brasil, sendo fundamental na cadeia logística para suprimento de gás no país.
“São novos tempos para o município, novas oportunidades para o desenvolvimento local e o REPENSAR MACAÉ se faz presente reforçando o seu apoio ao projeto e colocando o empresariado macaense a disposição para contribuir”, destaca Émerson Esteves, do grupo Repensar.
O Repensar Macaé é formado por representantes da ACIM, Comissão Municipal da Firjan, Rede Petro-Bacia de Campos, Federação do Conventions and Visitors Bureau (CVB), Sociedade de Engenheiros do Petróleo (SPE), Sebrae, Associação Macaense de Contabilistas (AMACON), Associação Brasileira das Empresas de Serviços do Petróleo (Abespetro) e Internacional Association of Drillings Contractors (IADC),
Representantes das instituições empresariais participaram de audiência pública

1 2 3 5